sexta-feira, 22 de Maio de 2009

Vida Saudável


Para algumas pessoas, vida saudável é simplesmente evitar doenças. Na verdade o conceito é muito mais amplo, vai muito além. Hoje já sabemos que vários fatores influenciam a saúde, como: o relacionamento no meio familiar e no trabalho, o local em que se vive, o estado emocional e até mesmo o estado espiritual da pessoal. Se tudo isso não estiver harmônico, o indivíduo fica doente com mais facilidade. Portanto, para uma vida saudável é necessário encontrar um ponto de equilíbrio e, esse ponto é obtido com os valores do bem-estar físico, mental, social e espiritual.

Deste modo, podemos considerar um exemplo de vida saudável, uma vida que envolva:
a prática de exercício físico pelo menos 3 vezes por semana (num mínimo de 30 minutos, por cada sessão);
uma boa alimentação, ou seja, uma alimentação rica e variada, na dose "certa" de acordo com as necessidades de cada um, e que inclua todos os sectores da roda dos alimentos, não negligenciando nenhum;
bons hábitos de higiéne, tomar banho, lavar os dentes, lavar bem as mãos, pentear o cabelo, (entre outros).

Estas são algumas ideias para nos sentirmos melhor com o nosso corpo, mantendo-o saudável. Se te sentires bem com o teu corpo, será mais fácil sentires-te bem com ti próprio.

Mas uma vida saudável só existe em plenidade com relação "mente sã em corpo são" presente.

Actividade física


A prática regular de actividade física e o desporto beneficiam, física, social e mentalmente, toda a população, homens ou mulheres de todas as idades, incluindo pessoas com incapacidades.
A actividade física é um forte meio de prevenção de doenças.

Benefícios da actividade física:
A actividade física reduz o risco de doenças cardiovasculares, de alguns cancros e de diabetes tipo 2. Estes benefícios são mediados por muitos mecanismos: em geral, consegue-se através da melhoria do metabolismo da glicose, da redução das gorduras e da diminuição da tensão arterial.
A participação em actividades físicas pode melhorar o sistema musculo-esquelético, o controle do peso corporal e reduzir os sintomas de depressão.

Vantagens da actividade física regular:
Reduz o risco de morte prematura;
Reduz o risco de morte por doenças cardíacas ou AVC, que são responsáveis por 1/3 de todas as causas de morte;
Reduz o risco de desenvolver doenças cardíacas, cancro do cólon e diabetes tipo 2;
Ajuda a prevenir/reduzir a hipertensão, que afecta 1/5 da população adulta mundial;
Ajuda a controlar o peso e diminui o risco de se tornar obeso;
Ajuda a prevenir/reduzir a osteoporose, reduzindo o risco de fractura do colo do fémur nas mulheres;
Reduz o risco de desenvolver dores lombares, pode ajudar o tratamento de situações dolorosas, nomedamente dores lombares e dores nos joelhos;
Ajuda o crescimento e manutenção de ossos, músculos e articulações saudáveis;
Promove o bem-estar psicológico, reduz o stress, ansiedade e depressão;
Ajuda a prevenir e controlar comportamentos de risco (tabagismo, alcoolismo, toxicofilias, alimentação não saudável e violência), especialmente em crianças e adolescentes.

Qual a quantidade de exercício físico que é necessária para melhorar e manter a saúde?
Os benefícios para a saúde geralmente são obtidos através de, pelo menos, 30 minutos de actividade física cumulativa moderada, todos os dias. Este nível de actividade pode ser atingido diariamente através de actividades físicas agradáveis e de movimentos do corpo no dia-a-dia, tais como caminhar para o local de trabalho, subir escadas, jardinagem, dançar e muitos outros desportos recreativos.

Benefícios adicionais podem ser obtidos através de actividade física diária moderada de longa duração:
Crianças e adolescentes necessitam de 20 minutos adicionais de actividade física vigorosa, três vezes por semana;
O controle do peso requer pelo menos 60 minutos diários de actividade física vigorosa/moderada.

Benefícios económicos da actividade física?!
É verdade a actividade física reduz os custos dos sistemas de saúde; aumenta a produtividade; melhora o ambiente físico e social.

Hábitos de higiene

As mudanças dos hábitos de higiene durante todo o processo evolutivo da humanidade são um dos fatores mais significativos para que o Homem de hoje tenha uma maior longevidade. Com essas mudanças, ele adquiriu hábitos relacionados aos padrões nutritivos da sua alimentação e a cuidar melhor da higiene do seu próprio corpo. Por isso, várias doenças causadas pela ingestão de alimentos contaminados e a falta de higiene pessoal diminuíram sensivelmente, levando-o a melhorar a sua qualidade de vida.

Tomar banho, escovar os dentes, lavar as mãos antes das refeições ou depois de ir à casa-de-banho e pentear os cabelos são alguns dos exemplos de bons hábitos de higiene.

Alimentação saudável


A alimentação saudável é, simplesmente, assegurar quantidade certa e equilíbrio dos nutrientes ingeridos, de acordo com as suas necessidades nutricionais individuais, ao longo da vida.

Vantagens de uma Alimentação Saudável:
Estudos científicos comprovam que uma alimentação saudável ajuda não só a conrolar o peso, como também a prevenir doenças do coração e diminui a ocorrência de fenómenos depressivos (depressão).

As provas concretas de uma alimentação saudável e consequentemente de um bom estado nutricional são:
corpo bem desenvolvido;
peso ideal para a composição corporal;
peso ideal para a altura;
bom desenvolvimento muscular;
pele suave e não emaciada;
cabelo brilhante;
olhos brilhantes;
boa postura;
apetite, digestão e excreção normais.

Com tantas vantagens, por que não adoptarmos novos hábitos alimentares, mais saudáveis do que aqueles que alguns de nós temos?

Roda dos alimentos


Cereais e derivados, tubérculos – 28%
Hortícolas – 23%
Fruta – 20%
Lacticínios – 18%
Carnes, pescado e ovos – 5%
Leguminosas – 4%
Gorduras e óleos – 2%

Uma dieta equilibrada deve procurar incluir todos os alimentos da Roda dos Alimentos, principalmente vegetais, frutas, legumes, cereais integrais, carnes magras, peixe e lacticinios.

As vitaminas e os minerais ajudam a proporcionar uma vida longa e saudável.